quinta-feira, junho 17, 2021
Home Política Exército decide não punir Pazuello por participar de manifestação com Bolsonaro

Exército decide não punir Pazuello por participar de manifestação com Bolsonaro

O Exército Brasileiro informou nesta quinta-feira, 3, que não vai punir o general Eduardo Pazuello pela participação, ao lado do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), em uma manifestação no Rio de Janeiro no último dia 23. “O Comandante do Exército analisou e acolheu os argumentos apresentados por escrito e sustentados oralmente pelo referido oficial-general. Desta forma, não restou caracterizada a prática de transgressão disciplinar por parte de Pazuello. Em consequência, arquivou-se o procedimento administrativo que havia sido instaurado”, registrou em nota o Centro de Comunicação Social do do Exército. O ex-ministro da Saúde estava sendo investigado porque ainda é um general da ativa. O Regulamento Disciplinar do Exército e o Estatuto das Forças Armadas determinam que a participação de militares da ativa em manifestações políticas é proibida. Caso considerado culpado, ele poderia receber punições que variam de advertência à prisão.

- Advertisment -

Most Popular

Barroso concede a Carlos Wizard direito de ficar em silêncio durante depoimento à CPI da Covid-19

O ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF), concedeu ao empresário Carlos Wizard o direito de ficar em silêncio e não produzir...

Justiça Federal torna Witzel réu por organização criminosa após denúncia do MPF

O ex-governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, virou réu por organização criminosa após a Justiça Federal aceitar uma denúncia do Ministério Público Federal...

Justiça Federal torna Witzel réu por organização criminosa após denúncia do MPF

O ex-governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, virou réu por organização criminosa após a Justiça Federal aceitar uma denúncia do Ministério Público Federal...

Condenado, Arthur Lira elogia projeto que afrouxa Lei de Improbidade: ‘Avanço para proteger o bom gestor’

Por 408 a 67 votos, a Câmara dos Deputados aprovou nesta quarta-feira, 16, o Projeto de Lei 10.887/18. O novo texto, do relator Carlos Zarattini...