quinta-feira, junho 17, 2021
Home Política Covas recebe visita de políticos após anúncio de quadro irreversível: ‘Nossa maior...

Covas recebe visita de políticos após anúncio de quadro irreversível: ‘Nossa maior referência’

O prefeito licenciado de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), recebeu a visita de amigos e políticos neste sábado, 15, após o último boletim médico divulgado pela equipe do Hospital Sírio-Libanês apontar que seu quadro de saúde é “irreversível”. O prefeito está sedado, tomando analgésicos e acompanhado de três familiares: o seu filho de 15 anos, Tomás Covas Lopes, e os seus pais Pedro Mauro Lopes e Renata Covas Lopes. Entre as pessoas que visitaram o prefeito durante a tarde estava o presidente do diretório municipal do PSDB, Fernando Alfredo, que defendeu que o colega era a “esperança da nossa geração”. “Um exemplo de vida. A nossa maior referência no PSDB. Quem perde não é o PSDB, quem perde é o país, sem sombra de dúvida o Bruno seria governador e seria presidente desse país”, completou.

Outros colegas  falaram de Bruno Covas neste sábado, 15, quando ele deveria ter comparecido a um evento da campanha de vacinação contra a gripe da Zona Sul de São Paulo. O prefeito em exercício, Ricardo Nunes, e o secretário municipal da Saúde, Edson Aparecido, disseram durante coletiva de imprensa que decidiram não cancelar a agenda porque é isso que Bruno Covas gostaria que fosse feito. “Bruno enfrentou a pandemia, a sua doença e uma campanha eleitoral de cabeça erguida. Então acho que a melhor homenagem que a gente pode fazer – e ele quer que seja dessa maneira – é trabalhando, é cuidando bem da população da nossa cidade”, afirmou Aparecido.  O secretário municipal da Educação, Fernando Padula, também fez um comentário nesse sentido. “Esse ano completa 30 anos que eu conheço o Bruno e tenho certeza que ele ficaria muito bravo com a gente se cancelássemos essa agenda”, disse.

*Com informações da repórter Beatriz Manfredini

- Advertisment -

Most Popular

Barroso concede a Carlos Wizard direito de ficar em silêncio durante depoimento à CPI da Covid-19

O ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF), concedeu ao empresário Carlos Wizard o direito de ficar em silêncio e não produzir...

Justiça Federal torna Witzel réu por organização criminosa após denúncia do MPF

O ex-governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, virou réu por organização criminosa após a Justiça Federal aceitar uma denúncia do Ministério Público Federal...

Justiça Federal torna Witzel réu por organização criminosa após denúncia do MPF

O ex-governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, virou réu por organização criminosa após a Justiça Federal aceitar uma denúncia do Ministério Público Federal...

Condenado, Arthur Lira elogia projeto que afrouxa Lei de Improbidade: ‘Avanço para proteger o bom gestor’

Por 408 a 67 votos, a Câmara dos Deputados aprovou nesta quarta-feira, 16, o Projeto de Lei 10.887/18. O novo texto, do relator Carlos Zarattini...