terça-feira, junho 15, 2021
Home Política ‘Consequência da pressão da sociedade brasileira’, dizem membros de CPI sobre pronunciamento...

‘Consequência da pressão da sociedade brasileira’, dizem membros de CPI sobre pronunciamento de Bolsonaro

Sete integrantes efeitos da CPI da Covid-19 e dois suplentes assinaram uma nota que comentava o pronunciamento do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), realizado na noite desta quarta-feira, 2. No documento, os senadores dizem que o posicionamento veio atrasado e que esperavam essa postura em 24 de março de 2020, quando, segundo os parlamentares, “inaugurou-se o negacionismo minimizando a doença”. Eles ainda disseram que a resposta de Bolsonaro celebrando as vacinas contra o coronavírus é uma reação aos trabalhos do colegiado e da pressão do povo. “A reação é consequência do trabalho desta CPI e da pressão da sociedade brasileira que ocupou as ruas contra o obscurantismo. Embora sinalize com recuo no negacionismo, esse reposicionamento vem tarde demais”, diz o documento, que conclui: “A CPI volta a lamentar a perda de tantas vidas e dores que poderiam ter sido evitadas”.

 

- Advertisment -

Most Popular

Na CPI da Covid-19, Campêlo contradiz Pazuello sobre crise de oxigênio no Amazonas

Em seu depoimento à CPI da Covid-19, nesta terça-feira, 15, o ex-secretário de Saúde do Amazonas Marcellus Campêlo afirmou, em mais de uma ocasião,...

Com definição sobre modelo de prévias, PSDB dificulta candidatura de Doria à Presidência

A Executiva Nacional do PSDB definiu nesta terça-feira, 15, as regras para as prévias do partido. Durante as prévias, as siglas organizam uma eleição...

‘Duvido que os brasileiros votem no PT, Bolsonaro é o favorito para 2022’, diz ministro Fábio Faria

Chefe do Ministério das Comunicações, o ministro Fábio Faria afirmou durante participação no programa Pânico, da Jovem Pan, nesta terça-feira, 15, que já está...

Presidente do TCU pede para a PF investigar auditor afastado por relatório falso

A presidente do Tribunal de Contas da União (TCU), ministra Ana Arraes, pediu à Polícia Federal, na segunda-feira, 14, que seja aberto um inquérito...