quinta-feira, junho 17, 2021
Home Política Bolsonaro participa da posse do novo presidente do Equador nesta segunda

Bolsonaro participa da posse do novo presidente do Equador nesta segunda

Em sua primeira viagem internacional agora em 2021, o presidente Jair Bolsonaro prestigia nesta segunda-feira, 24, a solenidade de posse do novo presidente do Equador, Guillermo Lasso. Ex-banqueiro, Lasso faz parte da chamada direita conservadora e foi eleito com pouco mais de 52% dos votos válidos. Além de Bolsonaro, são esperados líderes de ao menos outros sete países. A avaliação é que o novo presidente do Equador pode se tornar um parceiro estratégico importante para o governo brasileiro, uma vez que os demais países da região são governados pela esquerda. O Equador é considerado um país associado ao Mercosul. Ou seja, assinou tratado de livre comércio com o objetivo de estimular a sua economia, mas não possui as mesmas vantagens dos chamados países plenos: Brasil, Argentina, Uruguai e Paraguai, que se beneficiam de tarifas externas comuns.

Atualmente, a avaliação entre os países do bloco é que existe a necessidade de revitalizar o Mercosul. Existe uma expectativa grande com relação à formalização do acordo de livre comércio do Mercosul com a União Europeia, o que beneficiaria toda a América do Sul. O acordo foi assinado em 2019, mas os entraves continuam. Na semana, o presidente Jair Bolsonaro voltou a criticar os franceses, que ameaçam não formalizar a proposta. “É interesse econômico, a França concorre conosco em muitas coisas, não vai chegar perto de nós, mas concorre em muitas coisas, commodities. É interesse de seu país”, disse. Depois da posse do novo presidente do Equador, Bolsonaro deve participar de um almoço com as autoridades locais e estrangeiras. A previsão é de que ele esteja de volta na madrugada desta terça-feira, 25.

*Com informações da repórter Luciana Verdolin

- Advertisment -

Most Popular

Barroso concede a Carlos Wizard direito de ficar em silêncio durante depoimento à CPI da Covid-19

O ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF), concedeu ao empresário Carlos Wizard o direito de ficar em silêncio e não produzir...

Justiça Federal torna Witzel réu por organização criminosa após denúncia do MPF

O ex-governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, virou réu por organização criminosa após a Justiça Federal aceitar uma denúncia do Ministério Público Federal...

Justiça Federal torna Witzel réu por organização criminosa após denúncia do MPF

O ex-governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, virou réu por organização criminosa após a Justiça Federal aceitar uma denúncia do Ministério Público Federal...

Condenado, Arthur Lira elogia projeto que afrouxa Lei de Improbidade: ‘Avanço para proteger o bom gestor’

Por 408 a 67 votos, a Câmara dos Deputados aprovou nesta quarta-feira, 16, o Projeto de Lei 10.887/18. O novo texto, do relator Carlos Zarattini...